Antevisão semanal – 28 a 2 Nov/Dez 2022

Segunda-feira

O início da semana terá poucos dados de relevo. A Presidente do BCE vai discursar e poderá dar alguma ideia aos investidores do tamanho do próximo aumento da taxa de juro de referência.

Teremos alguns dados do Japão como vendas de retalho e taxa de desemprego, onde ambas previsões apontam para uma melhoria.

Terça-feira

Dados da inflação europeus da Alemanha e Espanha podem dar alguma indicação de um pequeno abrandamento segundo as previsões. Algo que poderá influenciar a decisão do BCE na sua próxima decisão.

O PIB do Canadá também promete uma evolução positiva.

Quarta-Feira

Este dia vai ser o de maior relevo na semana. É estimado que a inflação da Europa irá ter um decréscimo, apesar de ligeiro. Possivelmente, se for o caso, o BCE terá isso em conta poderiamos ver uma maior probabilidade de um aumento de 0.50% em vez de 0.75%.

Os EUA terão o PIB preliminar que mostra uma tendência positiva e também iremos ter o discurso de Jerome Powell, Presidente da Reserva Federal, possivelmente com um maior foco na análise do impacto económico das medidas da Reserva Federal na economia.

Quinta-feira

Durante quinta-feira serão realizadas as reuniões da OPEC. Segundo rumores a OPEC estaria a planear um aumento de produção, mas já foram desmentidos por alguns membros que não haverá nenhum aumento. Se decidirem cortar na produção novamente poderá levar a outro aumento do preço do combustivel causado por esse corte no fornecimento.

Sexta-feira

Vários dados económicos do Canadá e EUA fecham a semana. Iremos ver alguns dados mistos ou mesmo nulos. Sem dúvida um factor de bastante relevo tendo em conta que a Reserva Federal utiliza o desemprego como medida de saúde económica para melhor tomar as suas decisões de política monetária.

Visite o Disclaimer para mais informações.