Destaques do Dia – 10 Nov 22

Nos EUA continua o apuramento das eleições, com a probabilidade para já de a câmara dos representantes ir para os republicanos e o senado possivelmente empatado mas sendo desempatado com o voto da vice presidente EUA.

O grande destaque vai para diminuição da inflação nos EUA, com o valor a sair abaixo do esperado para os 7,7%. Esta redução foi recebida pelo mercado com um enorme otimismo, supondo que talvez tenhamos atingido o pico da inflação, assim como com isto as subidas das taxas de juro cheguem ao fim mais rápido. Na nossa opinião estes dados merecem cautela porque são apenas de um mês e não algo consistente. Quanto à subida das taxas de juro, o banco central deve continuar a subir, mas reduzindo assim a probabilidade de uma subida maior de 0,75%.

O mercado acionista termina o dia com fortes valorizações, assim como outros ativos de risco a serem beneficiados como as criptomoedas. Setor da energia também a beneficiar deste maior otimismo. Contudo na nossa opinião continuamos a ver estas subidas como correções de um mercado com tendência de descida. Os efeitos das subidas das taxas de juro estão a começar a fazer efeito, este efeito vai traduzir-se em quebras nas vendas das empresas e todo o ciclo a que está associado. Muitas empresas estão a cancelar contratação, assim como há outras a despedir para fazer face a condições de mercado mais adversas.

No caso FTX, segundo fontes, o buraco chega aos 8 mil milhões. Segundo a Reuters, para a semana será realizada uma tentativa de angariar fundos/investimento de forma a salvar a FTX de ir a falência.

Visite o Disclaimer para mais informações.