Mercado Accionista

Neste artigo vamos abordar o mercado accionista e os vários detalhes destes, para tentar compreender melhor o funcionamento destes produtos. Para compreender melhor o mercado accionista precisamos de saber, que em cada região/pais existe uma bolsa de valores ou podem existir varias, como é o caso dos EUA que tem por exemplo o NYSE e o NASDAQ.

Mercado Accionista

As bolsas podem ser vistas como uma loja, mas em vez de vender géneros como comida ou livros, vendem fracções de empresas, mais conhecidas por acções. Dentro das bolsas os preços das empresas variam conforme são vendidas e compradas pelos investidores, influenciados por expectativas, contextos, políticas monetárias, etc…

As empresas não são representadas pelo seu nome completo, mas sim por uma abreviatura, mais conhecido por ticker symbol. A Microsoft é representada por MSFT, ou a Walt Disney Co por DIS.

Acesso

O acesso ao Mercado tem de ser feito através de corretoras e bancos, mediante uma taxa paga para este serviço de mediação, as conhecidas comissões, que variam consoante a corretora.   

Índices bolsistas

As constantes compras e vendas por parte dos investidores fazem flutuar o preço das acções e por vezes acabam por traduzir a saúde da respectiva bolsa, isto porque como já referimos o mercado está organizado em grupos conforme país ou região. Temos o exemplo da SP500 representa as top 500 empresas do mercado accionista, o PSI-20 representa as 20 maiores empresas cotadas na Euronext Lisboa. Podem ainda representar sectores específicos da bolsa, como o sector da tecnologia ou da indústria.

Muitos investidores utilizam índices como instrumento de medição. Em regra geral o SP500 é o mais utilizado tendo em conta que representa grande parte das maiores empresas do mundo.
 

Tendências

O mercado, de um ponto de vista a longo termo, move-se por tendências.

  • Bull markets (mercados touro) – períodos de confiança com bons sinais de crescimento económico;
  • Bear markets (mercados urso) – podemos verificar tempos de incerteza e medo, traduzidos numa reacção de abrandamento de investimento;
Seta verdeBull market / Seta vermelhaBear market

Estas tendências podem ser facilmente reconhecidas por analogia à forma de ataque do Touro (de baixo para cima) ou do Urso (uma forte patada de cima para baixo).
Felizmente, os períodos de Bull markets são mais duradouros, o que torna as acções um bom investimento, pois a tendência geral a longo termo é de subida.

Resumo

Estas são as características necessárias que um investidor na sua fase inicial de busca por conhecimento:

  • o mercado accionista é constituído por vários mercados bolsistas, onde cada mercado bolsista pertence a uma determinada região/pais
  • são nestes mercados que se compram e vendem acções através de uma corretora que serve como intermediário
  • cada bolsa tem um índice que funciona como uma medição dessa bolsa em especifico. Ou no caso do SP500 há quem o use como medição do mercado mundial.
  • mercado move-se por tendências, seja de subida ou descida, mas a longo prazo a tendência geral é de subida de valor.

Visite o Disclaimer para mais informações.