Resumo BCE 10 Março 2022

Nesta passada quinta-feira o Banco Central Europeu mudou para uma postura mais hawkish do que previsto. Isto graças a um enorme foco na inflação apesar das possíveis consequências económicas que a actual guerra pode causar.

Apesar de alguns membros do BCE preferirem esperar pela retirada de estímulos a sua maioria não concordou escolheu acelerar a redução do seu programa de compra de obrigações.

A subida, bem acima do esperado, da inflação foi o principal motivador desta decisão. O BCE tinha como alvo cerca de 2% anual, mas com os dados de Fevereiro a revelarem um valor de 5.8%, aliado a uma previsão de crescimento reduzida, os membros com tendências mais hawkish certamente ganharam mais voz.

O programa PEPP do BCE continua como esperado, a acabar neste mês de Março. A principal mudança foi o adiantamento do fim de outro programa de estímulos, o Asset Purchase Program, que era esperado acabar no fim do ano. Com o actual plano é esperado que acabe pelo menos cerca de 3 meses mais cedo.

É também esperado duas subidas na sua taxa de juro de referencia este ano. De notar que não é um dado adquirido, o BCE como sempre, mostra-se disposto a alterar as suas políticas conforme considere necessário.

Visite o Disclaimer para mais informações.