Resumo da semana 26-30 Abril 2021

EUA

Tendo em conta que estamos na “época” de relatórios de ganhos de várias empresas, o mercado bolsista verificou alguma actividade nesta passada semana. Contudo, os principais índices acabaram por movimentar-se num pequeno intervalo de valores, muito provavelmente porque os ganhos apresentados estavam muito perto das expectativas dos investidores, logo reduzindo o factor surpresa de alguns dados.

Com a melhoria da economia, o sentimento dos investidores segue o mesmo caminho, com um visível aumento de consumo, e uma melhoria continua do número de desempregados. Presidente Biden veio também reforçar o plano de investimento em infraestruturas, de tamanho bastante considerável, no entanto, é de prever que esse plano irá sofrer várias alterações no Congresso e no Senado.

Presidente da FOMC, continua o seu discurso, que não haverão subidas de taxas de juro centrais, nem redução dos estímulos monetários num futuro próximo. Pelo menos ate a melhoria económica ser bastante clara e contínua, e a inflação estabilizar perto dos 2%.

Europa

O mercado bolsista acabou a semana também com poucas mudanças. Com a economia Europeia a contrair no primeiro trimestre, o que pode indicar que a zona Europeia entrou numa recessão. O optimismo actual deve-se principalmente ao programa de vacinação que dá esperanças aos investidores para o futuro próximo, que esperam uma melhoria significativa em áreas como a produção e serviços.

Apesar da OMS se mostrar algo cautelosa e o número de infectados continuar algo preocupante, a França apresenta o seu programa de início de desconfinamento por fases. Isto devido ao facto de a União Europeia ter confirmado acordos com a Pfizer e BioNTech para um enorme número de vacinas ate 2023.

Ásia

O Banco do Japão depois da sua reunião anunciou que irá manter a sua política monetária intacta, e tem como alvo 2% de inflação. Até promete manter uma política de apoio económico, e tomar medidas extras se for necessário, algo que não parece necessário actualmente, com bons dados económicos a revelar uma melhoria.

A bolsa Chinesa observou uma queda esta semana, com a aplicação de várias medidas regulatórias por parte do governo de Beijing, em várias empresas como o TikTok e Tencent.

Visite o Disclaimer para mais informações.