Resumo da semana 29 Março a 2 Abril 2021

EUA

O mercado accionista voltou a atingir novos máximos, com o índice S&P500 a atingir novos máximos históricos e quebrar a barreira dos 4000 pontos. Isto deve-se à melhoria económica que se tem visto nos Estados Unidos e para além disso, o Presidente Biden veio anunciar um novo plano de investimento em infraestruturas de enorme tamanho.

Assuntos como a falência de um grande fundo de investimento, o Archegos, e a pandemia global que nos afecta à mais de um ano, foram na sua maioria ignorados. A única preocupação actual dos investidores parece ser as taxas de juros das obrigações de tesouro Americanas, que apesar de terem visto uma descida esta semana, continuam algo altas.

Europa

De igual forma, o mercado accionista Europeu subiu, como tipicamente faz quando o seu congénere Americano sobe. Infelizmente, a Europa parece estar em maiores dificuldades, tanto economicamente como no combate à pandemia.

A falta de vacinas de forma a atingir imunidade em grupo continua a ser o maior impedimento, com vários países a Europeus a entrar e a sair de confinamento de forma intervalada também não ajuda no combate à pandemia. Para piorar a situação, prevê-se uma subida na inflação no futuro próximo, apesar de ser previsto que será uma subida provisória, existe sempre o risco de acentuar o medo dos investidores.

Ásia

O Japão ainda está num ponto intermédio no que conta ao combate da pandemia, com um aumento de casos semanais a preocupar os investidores. No entanto, graças à melhoria clara dos Estados Unidos da América, um parceiro de negócios bastante importante, o Japão viu alguma melhoria no seu mercado bolsista.

O número de casos encontrados na China quase se contam com os dedos da mão. Têm apresentado números de COVID-19 diários extremamente baixos, o que lhe permitiu ter uma recuperação económica a olhos vistos. Algo que se voltou a comprovar esta semana, com a saída de dados industriais bastante positivos, e um anúncio de cortes em certos impostos, de forma a acelerar esta recuperação ainda mais.

Visite o Disclaimer para mais informações.