Resumo da semana 6-10 Junho 2022

EUA

A inflação voltou a atacar esta passada semana. Com muitos investidores a esperarem um abrandamento, foram surpreendidos com o aumento da inflação neste passado mês de Maio. Isto levou a outra forte descida nos principais índices bolsistas, indicando que possivelmente, o mercado bear ainda não acabou.

Existe também outro problema, possivelmente derivado da inflação. Muitas cadeiras Americanas estão a rever os seus lucros pela negativa. A principal razão sendo o aumento de stock de produtos, causado pela menor procura, obrigando alguns a vender muitos produtos em desconto.

Europa

Os índices Europeus também estão em território negativo, muito devido a comentários do BCE. Christine Lagarde sugeriu um aumento do ritmo de subida da taxa de juro de referencia se a inflação persistir nos próximos meses.

Irão subir a taxa de juro de referencia em 0.25% em Julho, logo depois de finalizarem o seu programa de compra de ativos. Mencionou também que existe a possibilidade de um aumento maior em Setembro se as condições detiorarem.

Ásia

Apesar da economia Japonesa ter contraído no primeiro trimestre, menos do que esperado, os seus índices viram alguns ganhos esta semana. Parte deste impulso é graças à abertura do turismo, e outra parte possivelmente das declarações do continuo apoio que o Governo Japonês irá dar à economia.

As novas políticas do Governo Chinês foram extremamente bem recebidas pelos investidores. Depois de alguns anos a regular e controlar fortemente o sector tecnológico, aparenta ter decidido reduzir esse escrutínio. Aliado ao levantamento de algumas restrições de confinamento devido ao COVID-19 e uma situação mais estável no sector imobiliário, levou a ganhos na sua bolsa.

Visite o Disclaimer para mais informações.