Resumo FOMC 16 Fevereiro 2022

As atas da reunião da Reserva Federal revelam que os seus membros estão preocupados com a inflação e a sua subida galopante. Esta subida é sem dúvida bem acima dos alvos do banco central e por consequência poderão ter que reduzir o seu suporte à economia mais cedo do que esperado.

Factores como a continua subida das rendas, preço das casas e gradual aumento dos salários pode levar a uma taxa de inflação ainda maior do que esperado. Para contrariar esta subida, alguns dos membros mostram-se dispostos a reduzir a sua política monetária a um ritmo ainda mais rápido, isto é, dependendo da evolução económica.

Infelizmente, existem vários problemas presentes que poderão levar a um aumento de preços de combustíveis, como a actual tensão entre a Rússia e a Ucrânia.

Com um maior relevo dado à subida da inflação, e a possível aceleração do aumento da taxa de juro de referência, muitos investidores acreditam que poderá chegar acima dos 1.5% até ao final do ano.

No entanto, ao que anteriormente acreditavam, é altamente improvável que se veja um aumento acima dos 0.25%.

Visite o Disclaimer para mais informações.