Análise técnica – Indicadores 2

Em continuação do artigo de análise técnica, neste vamos focar-nos em alguns indicadores técnicos. Este tipo de indicador, ao contrário de linhas de suporte/resistência ou linhas de tendência, é baseado em cálculos estatísticos, o que permite ter uma visão mais objectiva dos movimentos do preço.

Indicadores técnicos

Existe uma panóplia de indicadores, mas neste artigo vamos debruçar-nos sobre os que provavelmente são mais utilizados pelos analistas técnicos:

Indicador de impulso/Oscilador – Este indicador mede a velocidade do movimento de preço de um activo num determinado período de tempo. Serve para auxiliar no processo de decisão para tentar perceber se um movimento está a perder força. Por norma são usados os indicadores Stochastic ou Relative Strength Index para este tipo de análise.

Exemplo de um indicador de impulso/oscilador Fonte: Tradingview

Médias móveis – Outro bastante usado são as médias móveis, estas têm como utilidade alisar as flutuações de preço. Dessa forma torna-se mais claro identificar mais concretamente a tendência da direcção do preço.

Exemplo de uma média móvel Fonte: Tradingview

Retracções Fibonacci – As retracções Fibonacci são rácios utilizados para identificar potenciais áreas de inversão, tal como suportes ou resistências. Mas a grande vantagem desta ferramenta é a possibilidade de nos ajudar a prever futuras áreas de suporte/resistência ainda não definidas.

Exemplo retracção Fibonacci Fonte: Tradingview

Volume – Volume é de uma forma simples o número de compras ou vendas efectuadas num determinado activo financeiro durante um certo período de tempo. Isto permite ao investidor aferir a força de um movimento através da análise quantidade de activos a ser comprados, ou vendidos numa determinada direcção.

Exemplo de indicador de volume Fonte: Tradingview

Conclusão

Este conjunto de indicadores são muito provavelmente dos mais utilizados pelos analisadores técnicos. Por norma não são usados separadamente, mas sim em conjunto, sendo a sua escolha dependente do estilo ou preferência de cada um. Apesar de como foi dito anteriormente, é aconselhável não utilizar a análise técnica exclusivamente como forma de análise, mas são de facto boas ferramentas para adicionar.

Visite o Disclaimer para mais informações.