Como avaliar uma empresa – Demonstrações Financeiras

Depois de decidir que planeia iniciar o seu percurso de investimento chega a parte de decidir onde investir. Se procura investir em acções vai precisar de saber analisar uma empresa e a sua solidez empresarial.

Para fazer uma análise quantitativa a qualquer empresa são necessárias as demonstrações financeiras. Felizmente, todas as empresas cotadas na bolsa são obrigadas por lei a revelar as suas demonstrações financeiras trimestralmente.

As três demonstrações financeiras apresentadas são o balanço patrimonial (balance sheet), demonstração de resultados (income statement) e fluxos de caixa (cash flow), que mostram através de vários valores, a performance financeira da empresa.  Através de uma análise permite-nos ter uma melhor noção do estado da empresa.

Para futura referência, em conta que a maior parte das empresas mais apetecidas apresentam os relatórios em inglês, vamos manter estes termos em inglês em futuros artigos mais detalhados.

Balance sheet

O balance sheet pode ser visto como uma espécie de foto tirada num determinado momento. O que esta “foto” nos permite ver é a posição financeira de uma empresa num momento particular. Ou seja, mostra-nos os bens da empresa, assets, as suas dividas, liabilities, e por fim a diferença entre estes dois, o património líquido ou stockholders’ equity.

Income statement

Enquanto que a balance sheet é considerada um “foto” de um momento especifico, o income statement pode ser visto como um pequeno “filme” que abrande um período de tempo, por norma um trimestre ou um ano. Tem como propósito ilustrar os lucros e rendimentos, ou o inverso, de uma empresa. Através do income statement é possível visualizar de um posto de vista contabilístico lucros, perdas, impostos, depreciação e entre outros.

Cash flow statement

Nestes números é possível ter uma melhor ideia para onde flui o capital da empresa. Isto interessa a um accionista por através destes valores é possível ter uma melhor ideia de como a empresa está a ser gerida. Se o capital está a ser investido de forma a expandir, se o capital flui para os seus credores ou accionista e até mesmo se possui capital suficiente para se continuar a financiar.

Conclusão

Uma acção pode subir ou descer no mercado accionista devido a vários factores externos, políticos, económicos ou até mesmo graças a uma promoção exagerada. Contudo, através de uma análise profunda, estas três demonstrações de resultados incluídas, de uma empresa é possível compreender melhor se de facto a empresa irá ter uma boa performance no futuro.

Visite o Disclaimer para mais informações.